A Ilustração E a Articulação Tipográfica No Trabalho de Sebastião Rodrigues

In: Other Topics

Submitted By jonmiron
Words 4121
Pages 17
A ilustração e a articulação tipográfica no trabalho de Sebastião Rodrigues

Introdução
Com o objectivo de ilucidar aquilo que foi um dos processos de trabalho de um dos mais importantes designers gráficos da 1ª geração portuguesa, este paper pretende demonstrar o trabalho de Sebastião Rodrigues, com um ponto de vista mais atento sobre os seus recursos tipográficos e o modo como a tipografia que Sebastião Rodrigues utiliza se relaciona entre si e entre o todo que compõe cada um dos seus projectos. Será introduzido os aspectos mais marcantes do trabalho de Alvin Lustig e de Victor Palla, de modo a perceber como é que estes dois designers serviram de influência para o trabalho de Sebastião Rodrigues, utilizando comparações de trabalhos. Depois de uma melhor compreensão do trabalho de Sebastião, tentar-se-á perceber como é que a tipografia se articula no seu trabalho, através de estudos com possíveis grelhas de construção, pormenores tipográficos, a natureza da tipografia utilizada, o conceito tipográfico inerente ao trabalho, tentando perceber como é que a tipografia permite reforçar a emoção que o respectivo trabalho pretender transmitir. Com a informação tipográfica filtrada e analisada transpor-se-á essa informação, estabelecendo termos de comparação com alguns trabalhos de designers actuais, justificando por fim o porquê de Sebastião Rodrigues ser “rotulado” como um dos visionários e mais importantes designers da 1ª geração de designers portugueses.

1

A ilustração e a articulação tipográfica no trabalho de Sebastião Rodrigues

Antes de partir para uma breve descrição sobre Sebastião Rodrigues, é importante que essa descrição seja acompanhada do conhecimento de dois designers que foram uma forte influência no trabalho de Sebastião. Tratar-se-á de dar a conhecer Alvin Lustig, assim como Victor Palla, para que o leitor possa identificar com maior facilidade ao longo do…...

Similar Documents

Trabalho Precario

...Carvalho Nº1002715 A precarização do trabalho será que é uma “doença” do séc. XXI? Ou não será o reflexo das políticas do século passado? Historicamente, no século passado, viveram-se épocas de grande desenvolvimento económico, que por sua vez proporcionou a grande parte da população do 1ºmundo, ter trabalho, ou seja, havia uma baixíssima taxa de desemprego. No entanto este trabalho em que condições era realizado? Após um ‘bum’ de produção fabril, nas mais diversas áreas, devido a genialidade de Henry Ford, que aplicando a teoria de Taylor (1856-1915), sistematizou, racionalizou e hierarquizou o sistema de produção industrial, trouxe consigo, por arrasto, um forte desenvolvimento da produção, e por sua vez da economia. Mas este trabalho muitas vezes era mal pago, para o operário, permitindo a este, apenas sobreviver com alguma dignidade, ou seja, grande parte desta população viveu no limiar da pobreza relativa. Claro que isto se verificou, enquanto existiu um escoamento de produto, e as novas tecnologias, não dominaram este processo. No final do século, e após a introdução do chip, da robotização, entramos numa era diferente, onde o número de pessoas necessárias para o processo produtivo, começou a ser menor e até em alguns casos, praticamente inexistente. Ora, com a introdução do computador, em todas as fases da nossa vida, desde o escritório, à indústria, até a nossa casa…virou o século… e com que nos deparamos? Com a precarização do trabalho, e em consequência deste,......

Words: 2255 - Pages: 10

As Vivências de Prazer E Sofrimento No Trabalho de Distribuição de Bebida

...[pic] Universidade de Brasília Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciências da Informação e Documentação EULLER DE SÁ BARROS AS VIVÊNCIAS DE PRAZER E SOFRIMENTO NO TRABALHO DE DISTRIBUIÇÃO DE BEBIDAS Brasília – DF Novembro / 2009 Universidade de Brasília Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciências da Informação e Documentação AS VIVÊNCIAS DE PRAZER E SOFRIMENTO NO TRABALHO DE DISTRIBUIÇÃO DE BEBIDAS Projeto apresentado ao Departamento de Administração como requisito parcial à obtenção do título de Bacharel em Administração. Professor Orientador: Doutor, Marcus Vinicius Siqueira Brasília – DF Novembro / 2009 Universidade de Brasília Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciências da Informação e Documentação AS VIVÊNCIAS DE PRAZER E SOFRIMENTO NO TRABALHO DE DISTRIBUIÇÃO DE BEBIDAS A Comissão Examinadora, abaixo identificada, aprova o Trabalho de Conclusão do Curso de Administração da Universidade de Brasília do (a) aluno (a) Euller de Sá Barros |Doutor, Marcus Vinicius Siqueira | |Professor-Orientador | |Especialista, Maria de Fátima Bruno | |Titulação, nome completo ...

Words: 12039 - Pages: 49

Trabalho de Metodos Quantitativos

...Problema: Custos e Eficiências em Rotas Aéreas Diante da falência da Viação Aérea Rio de Janeiro - VARIJ, a Agência Nacional de Aviação Civil – ANAC impôs à Companhia Aérea Transportes Aéreos Niterói - TAN que esta assumisse 20 rotas que vinham sendo operadas pela VARIJ. Rotas CGH-SDU SDU-CGH CGH-UDI UDI-CGH GRU-BSB BSB-GRU SDU-FLN FLN-SDU GRU-GIG GIG-GRU CGH-LDB LDB-CGH GIG-MAO MAO-GIG GRU-REC REC-GRU GRU-SSA SSA-GRU BSB-CWB CWB-BSB Distância (NM) 203 203 307 307 476 476 421 421 179 179 254 254 1584 1584 1118 1118 797 797 602 602 A TAN realizou uma pesquisa junto aos registros da INFRAERO para obter o número de passageiros que utilizaram tais rotas nos últimos 5 anos. Tais números foram consolidados de forma a se obter a média de passageiros em cada rota nos 20 trimestres que compõem o período de 5 anos do estudo. Trimestres Rotas CGH-SDU SDU-CGH CGH-UDI UDI-CGH GRU-BSB BSB-GRU SDU-FLN FLN-SDU GRU-GIG GIG-GRU CGH-LDB LDB-CGH GIG-MAO MAO-GIG GRU-REC REC-GRU GRU-SSA SSA-GRU BSB-CWB CWB-BSB 1 119 148 77 68 106 99 92 97 116 125 61 62 72 73 81 81 100 92 152 155 2 122 148 75 67 107 104 93 95 117 127 60 61 73 72 83 79 100 93 150 153 3 124 144 74 67 111 101 92 95 120 125 58 59 76 73 81 80 97 92 152 151 4 127 147 74 66 110 105 91 94 119 125 58 58 76 76 84 82 97 91 148 155 5 128 148 74 67 111 104 93 94 118 127 58 57 77 76 84 83 98 94 151 153 6 132 146 72 65 113 108 90 93 119 126 56 57 77 79 86 84 100 94 148 149 7 133 146 73 64 115 109 90 96 122 127 56 56 80 79 85 83 101...

Words: 3477 - Pages: 14

Motivação E Satisfação No Trabalho Em Uma Empresa de Alta Tecnologia - Estudo de Caso

...UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO - CCA ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E GERÊNCIA – ESAG PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO Linha de Pesquisa: Gestão Estratégica, de Processos e de Resultados. MOTIVAÇÃO E SATISFAÇÃO NO TRABALHO EM UMA EMPRESA DE ALTA TECNOLOGIA - ESTUDO DE CASO Roberto Kern Gomes Joinville – 2006 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO - CCA ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E GERÊNCIA – ESAG PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO Linha de Pesquisa: Gestão Estratégica, de Processos e de Resultados. MOTIVAÇÃO E SATISFAÇÃO NO TRABALHO EM UMA EMPRESA DE ALTA TECNOLOGIA - ESTUDO DE CASO Dissertação programa de apresentada Pós-Graduação ao em Administração da Universidade do Estado de Santa Catarina e Escola Superior de Administração e Gerência como requisito parcial para a obtenção do grau de Mestre em Administração. Área: Motivação e Satisfação no Trabalho. Orientador: Professor Luis Gonzaga Mattos Monteiro, Dr. Roberto Kern Gomes Joinville – 2006 1 MOTIVAÇÃO E SATISFAÇÃO NO TRABALHO EM UMA EMPRESA DE ALTA TECNOLOGIA - ESTUDO DE CASO. Esta Dissertação foi julgada adequada para a obtenção do título de Mestre em Administração e aprovada em sua forma final pelo Programa de PósGraduação em Administração da Universidade do Estado de Santa Catarina e Escola Superior de Administração e Gerência. Florianópolis, 1º de dezembro de......

Words: 25432 - Pages: 102

Tic Ficha de Trabalho

...INTRODUÇÃO ÀS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ANO LECTIVO 2012 / 2013 FICHA DE TRABALHO Nº 1 Nome: Número: 2 PÁGINA CONTEÚDOS DESTA FICHA:      Dados e Informação Unidade de informação Áreas de aplicação das TIC Hardware vs Software CPU 1. Para cada linha, coloca uma cruz na opção correcta: ‘Dados’ ou ‘Informação’. Dados Informação +, 2, ), (, *, 3, 2, = O António mora em Felgueiras há 3 anos. O cão é um mamífero 2. Dois ficheiros de 50 MB cada e uma pasta de 1,7GB cabem dentro de um CD?  Sim  Não a) Justifica a tua resposta. Ficha de trabalho nº1 1/3 3. Estabeleça a correspondência entre as colunas A e B utilizando o quadro “Respostas”. Coluna A 1. Tecnologias da Informação e Comunicação 2. Informática 3. Automação e Controlo Coluna B A. Automatização, através da utilização de meios informáticos, dos processos necessários ao funcionamento de um escritório B. Tratamento automáticos C. Combina a utilização de meios informáticos com os meios das telecomunicações D. Processos de tratamento, controlo e da Informação por meios 4. Tecnologias da Informação transmissão ou a comunicação da informação, essencialmente informáticos. E. Monitorização e gestão dos processos de baseados em meios 5. Burótica produção informáticos industrial através de meios 6. Telemática F. Processos de tratamento e controlo da informação baseados em sistemas informáticos. RESPOSTAS 1. 2....

Words: 361 - Pages: 2

Tecnologia Nas Relações de Trabalho

...discutir o que é tecnologia da informação? Estes conceitos são unânimes ou existe diferença entre eles? Tragam os conceitos de diversos autores. O Brasil é o 7º maior mercado de TI, com estimativas de movimentar R$ 300 bilhões no ano atual. Segundo o guía do estudante **, a tecnologia da informação é o uso dos meios de tecnologia da informação para melhorar e agilizar a comunicação em vários setores, como uma escola, uma empresa ou um órgão público. Esse conceito é unânime quando falamos de definição mas variam dentro das funções e padrões de seviçoes dentro desta tecnologia, como por exemplo os softwears an hardwear, e os programas personificados específicos, desenhados para empresas como os laboratórios veterinários nos EUA, entre outros. Em um passado não muito distante falavamos em meagabytes ou gigabytes, hoje pelo crescimento da comunidade na internet ,do armazenamento de dados, e uma demanda cada vez mais por servços e da vida na Internet faz com que a gerência esteja voltada para o aramazenamento de dados nas nuvens o que no Inglês se diz " On the clouds" . Por aqui podemos observar que todas as categorias da sociedade como comércio, instituições de ensino como a UCB apontam para a rapidez e a possibilidade de tudo acontecer através da internet, um constantes desafio não só para os profissionais de TI, mas para todos nos que temos que nos adaptar e e exercer a literalidade Internetês. *Veja aqui:......

Words: 282 - Pages: 2

Trabalho Parte Final Grh Lauro, Telmo, Fred E Pedro

...Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril Ano Lectivo 2011/2012 Disciplina: Gestão de Recursos Humanos Tema: Análise de Três Organizações, Starwood/Hilton/Marriot Curso: Gestão de Empresas Turísticas 2º ano Docente: Vítor Toricas Trabalho Realizado por: Lauro Andrade Nº 5046 Pedro Nascimento Nº 5050 Telmo Gaudêncio Nº 5040 Frederico Caetano Nº5348 Data: 14/05/2012 Gestão de Recursos Humanos 2011/2012 Índice Conteúdo Índice ............................................................................................................................................. 2 Introdução ..................................................................................................................................... 4 Starwood ....................................................................................................................................... 5 Marcas ........................................................................................................................................... 5 Web sites e separador de carreiras............................................................................................... 8 Missão, valores e visão................................................................................................................ 10 Missão: .................................................................................................................................... 10 Valores:...........................................

Words: 8217 - Pages: 33

Estrutura de Activos E Passivos Da Cgd

...Mestrado em Finanças 2010/2011 Disciplina de Instituições Financeiras A Estrutura de Activos e Passivos da Caixa Geral de Depósitos Filipe Pais Oliveira Bernardes 100417026 Nuno Miguel Pereira Fernandes 100417047 09-11-2010 Mestrado em Finanças 2010/11 – Instituições Financeiras Conteúdo Abstract ......................................................................................................................................... 2 A Instituição Caixa Geral de Depósitos ......................................................................................... 3 Estrutura de Activos e Passivos ..................................................................................................... 4 O Activo da CGD ............................................................................................................................ 6 Realizando uma análise rubrica a rubrica ................................................................................. 6 O Passivo da CGD ........................................................................................................................ 12 Análise Geral ............................................................................................................................... 16 Benchmark .................................................................................................................................. 17 Conclusões ...........................................................................

Words: 6973 - Pages: 28

Games E Gamers - Uma Análise Do Cunsumidor de Videogames No Brasil

...O mercado de vídeo games teve início na década de 70 e desde então vem crescendo, sendo hoje mais lucrativo que a poderosa e renomada indústria cinematográfica, gerando movimentações milionárias e tendo também criado personagens carismáticos e icônicos tais como Pac-Man, Mario, Sonic, Crash e muitos outros. Apesar de todo este impacto, o mercado de games ainda é pouco estudado e, principalmente, trabalhado, sendo muitas vezes considerável nocivo à sociedade e à cultura, algo muito questionado e com certeza gerando uma ineficiência de mercado, com demanda reprimida deixando de gerar receitas, empregos e perda de outras oportunidades, algo que normalmente ocorre com o lançamento de novas tecnologias por serem muito diferentes do conhecimento comum e tradicional. Este estudo almeja, portanto, mostrar a importância desse novo setor da economia trabalhando com o consumidor final dos jogos, ou gamer, entendendo o impacto dessa mídia em suas vidas e seu comportamento de compra. Contexto O mercado de games vem crescendo continuamente faturando milhões de dólares todos os anos, sendo o Brasil o segundo mercado que mais cresce no mundo segundo pesquisa da empresa GFK. Criado na década de 1972, a indústria do videogame se tornou mais que uma simples diversão, um símbolo cultural com uma legião de fãs e com retornos milionários, tendo, por exemplo, faturado U$66,00 bilhões de dólares em 2012, segundo pesquisa feita pela consultoria Newzoo. Entrando na sua oitava geração de consoles,......

Words: 3774 - Pages: 16

Métodos de Pesquisa

...Direitos reservados desta edição: Universidade Federal do Rio Grande do Sul Capa e projeto gráfico: Carla M. Luzzatto Revisão: Ignacio Antonio Neis, Sabrina Pereira de Abreu e Rosany Schwarz Rodrigues Editoração eletrônica: Luciane Delani Universidade Aberta do Brasil – UAB/UFRGS Coordenador: Luis Alberto Segovia Gonzalez Curso de Graduação Tecnológica Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural Coordenação Acadêmica: Lovois de Andrade Miguel Coordenação Operacional: Eliane Sanguiné M939 Métodos de pesquisa / [organizado por] Tatiana Engel Gerhardt e Denise Tolfo Silveira ; coordenado pela Universidade Aberta do Brasil – UAB/UFRGS e pelo Curso de Graduação Tecnológica – Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural da SEAD/UFRGS. – Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2009. 120 p. : il. ; 17,5x25cm (Série Educação a Distância) Inclui figuras, quadros e anexos. Inclui referências. 1.Metodologia da pesquisa científica. 2. Métodos de pesquisa. 3. Pesquisa científica – Elaboração. 4. Projeto de pesquisa – Estruturação. 5. Tecnologia da informação e comunicação – Pesquisa. 6. Ética – Plágio. I. Gerhardt, Tatiana Engel. II. Silveira, Denise Tolfo. III. Universidade Aberta do Brasil. IV. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Secretaria de Educação a Distância. Graduação Tecnológica – Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural. CDU 001.891 CIP-Brasil. Dados Internacionais de Catalogação na Publicação. (Jaqueline Trombin – Bibliotecária responsável......

Words: 35589 - Pages: 143

Trabalho de Campo – Suzano Papel E Celulose

...O presente trabalho visa caracterizar a Suzano Papel e Celulose e diagnosticar os principais problemas relacionados à ergonomia e perdas no processo produtivo. trazendo informações sobre o seu mercado e os processos produtivos que nela ocorrem. Em etapas seguintes será feita a definição do problema a ser estudado, o detalhamento do mesmo e uma proposta de solução, tanto sob o enfoque da produção quanto da ergonomia. 2. A Empresa A Suzano Papel e Celulose é uma empresa de base florestal e uma das maiores produtoras de papel e celulose da América Latina, com atuação global em cerca de 80 países. Hoje a sua produção é de 2,9 milhões de toneladas/ano o que a coloca entre os 10 maiores produtores de celulose do mundo e a torna a segunda maior produtora de celulose de eucalipto do mundo. A pessoa que viabilizará a realização deste trabalho junto à fábrica que a empresa tem na cidade de Suzano, é o Sr. Silva. Figura 1 – Fábrica na cidade de Suzano 3. Mercado O setor de papel e celulose envolve a fabricação de pastas celulósicas, com base em diversos tipos de matérias-primas fibrosas, principalmente a madeira, e em diversos tipos de papéis. Divide-se em segmentos conforme a sua finalidade, quais sejam: papel para embalagem, para imprimir e escrever, imprensa, cartão e cartolina, e para fins sanitários e especiais. Deste modo, a cadeia produtiva se estende desde as bases florestais até os produtos convertidos. A indústria de papel e celulose é......

Words: 1115 - Pages: 5

Comunicação E Animação de Grupos

...Exercício Módulo A3 Comunicação e Animação de Grupos 1. O que deve o formador considerar quando comunica com os formandos? Comunicar pressupõe a existência de um emissor, de um receptor e de uma mensagem a transmitir. No entanto, a transmissão dessa mesma mensagem pode ser feita de diferentes formas, verbais ou não verbais. Assim, o formador deve ter em conta os formandos a que a mensagem se dirige, de forma a adaptá-la e receber o correcto feedback. A este nível, referimo-nos à comunicação verbal, expressa por palavras, através da oralidade ou da escrita. Mas comunicar contempla ainda o nível não verbal, onde se incluem a comunicação cinésica, com os gestos, expressões faciais e movimentos corporais, e paralinguística, que está relacionada com o modo de falar do emissor, ou seja, o seu tom, pronúncia, etc. É importante que o formador se esforce por criar uma sensação de empatia junto dos formandos, de forma a facilitar a comunicação. Para isso, deve assumir uma postura positiva que mostre receptividade e abertura, evitando cruzar os braços, por exemplo. Os gestos do formador podem ser encenados de forma a evidenciarem um determinado tipo de reacção ao feedback dos formandos. Também é importante que os gestos vão reflictam a sua mensagem verbal, evitando que caia em contradição. A sua apresentação também conta, e por isso, adaptar a sua imagem ao grupo de formandos. Por tudo isto, podemos perceber a complexidade da comunicação, e o formador deve ter sempre......

Words: 387 - Pages: 2

Organizacao E Gestao de Empresas

...Tópicos de orientação para o trabalho de grupo 2011-2012 Análise do caso de estudo Pretende-se que analisem um caso de estudo focando os seguintes pontos: 1. Missão e os objectivos da empresa. 2. A análise das tendências do meio ambiente externo. 3. A análise do meio ambiente interno da empresa. 4. SWOT 5. Vantagem competitiva -Estratégia competitiva Os casos de estudo não contêm toda a informação necessária e atualizada pelo que devem complementar com outras fontes de informação.  Elementos do caso de estudo:    Apresentação na aula. - Data limite envio: 18 Maio (para Prof. e grupo que vai discutir) Bullet Report (apresentação estendida com elementos e explicações adicionais, podem acrescentar notas ou novos acetatos) – Data limite envio dia: 03 Junho Resumo executivo do caso de estudo (máximo 1 página). Data limite envio dia: 03 Junho O envio deve ser efetuado via Moodle. Enquadramento de Gestão O planeamento estratégico, enquanto primeira fase do processo de gestão, é uma das componentes principais da disciplina de Gestão. Este planeamento consiste na definição de objectivos da empresa e no desenvolvimento de estratégias que permitam alcançá-los. Um dos aspectos fundamentais do desenvolvimento de uma estratégia o ajustamento entre as condições do meio envolvente externo e as capacidades e competências da organização, no sentido de desenvolver vantagens competitivas sustentadas. A noção de vantagem competitiva é central à gestão estratégica e está na base do que......

Words: 569 - Pages: 3

Ativistas, Passageiros, Ocasionais E Especialistas Perfis de Usuário Na Construção de Um Site de Q&a

...ocasionais e especialistas Perfis de usuário na construção de um site de Q&A Adabriand Furtado Universidade Federal de Campina Grande Av. Aprígio Veloso, 882, Campina Grande - PB +55 83 2101 1684 adabriand@lsd.ufcg.edu.br Nazareno Andrade Universidade Federal de Campina Grande Av. Aprígio Veloso, 882, Campina Grande - PB +55 83 2101 1684 nazareno@computacao.ufcg.edu.br who make medium or low quality contributions; occasionals, users who stay for a long period, however sporadically contribute; and specialists, similar to occasionals users, but who are skilled in performing a kind of activity. By analysing the parcel of contribution of each group formed by these profiles, we observed that passengers and ocassionals collaborate with activists in the construction of the majority of contributions, and the lack of any of these profiles possibly would degrade the system performance. In regard of the specialists, we discovered that their representation in the total of contributions is small. This finding motivates the development of mechanisms to stimulate the participation of these users. RESUMO Entender a estrutura e dinâmica de funcionamento de sistemas de Question and Answer (Q&A) é imprescindível no desenvolvimento de mecanismos para incentivar e melhor aproveitar a produção de conteúdo por parte dos usuários. Neste artigo, exploramos os padrões de comportamento de usuários em um site de Q&A de grande porte segundo métricas de motivação (quantidade de contribuições)......

Words: 6109 - Pages: 25

Avaliação de Funções E Análise de Desempenho

...Edição - Curso de Especialização em Gestão Módulo de Gestão de Recursos Humanos ANÁLISE DE FUNÇÕES E AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO - Setor da Construção Civil - Docente: Prof. Doutor Lopes Henriques Trabalho realizado por: Eng.º André Cabrita Eng.º João Pimentel Eng.º Nuno Antunes Eng.º Pedro Santos Eng.º Rui Cabrita 9ª Edição - Curso de Especialização em Gestão Gestão de Recursos Humanos – Prof. Doutor Lopes Henriques ÍNDICE 1  2  Introdução .................................................................................................................................................. 3  Análise de Funções ................................................................................................................................... 4  2.1  2.2  2.3  2.4  Contexto Organizacional ................................................................................................................... 4  Métodos de Análise de Funções ....................................................................................................... 5  A Análise de Funções na Construção ............................................................................................... 5  As Funções numa Empreitada de Construção .................................................................................. 6  Diretor Coordenador ...................................................................................................................... 8  Diretor de Obra......

Words: 10288 - Pages: 42

The New Fred and Barney Show | Global 2012 Dbq Essay | Gülperi | 14.Bölüm - Fragman 1